Diabetes tipo 1 pode estar relacionada a infecções respiratória na infância

Postado em por - na categoria diabetes, Pesquisa, saúde e medicina.

Leia mais em "Diabetes tipo 1 pode estar relacionada a infecções respiratória na infância" »

diabetesEstudo realizado no Instituto de Pesquisa em Diabetes da Universidade de Munique, na Alemanha, e publicado no periódico JAMA Pediatrics, concluiu que infecções respiratórias em crianças, principalmente de até 1 ano, pode contribuir para o desenvolvimento do diabetes tipo 1. O objetivo do estudo foi identificar a relação dos casos de infecção e febre e o começo de um processo de autoimunidade do corpo, que é quando o sistema imunológico passa a atacar o próprio organismo.

O estudo, que contou com 148 crianças com alto risco genético de desenvolver diabetes tipo 1, identificou que as infecções respiratórias durante os primeiros seis meses de vida elevam em até 2,2 vezes o risco da criança vir a ter alterações na imunidade que podem desencadear o diabetes tipo 1 no futuro. Em crianças de seis meses a um ano o risco aumenta em torno de 32%.

Saiba mais sobre o estudo: http://archpedi.jamanetwork.com/article.aspx?articleid=1704825

Caminhada Abrace o Água Verde + Seguro é nesse domingo

Postado em por - na categoria diabetes, Eventos.

Leia mais em "Caminhada Abrace o Água Verde + Seguro é nesse domingo" »

teste de glicemiaNesse domingo, a partir das 9h, acontece a caminhada “Abrace o Água Verde + Seguro”, que reivindica mais segurança para o bairro Água Verde, em Curitiba. Além disso, a caminhada também pretende promover hábitos saudáveis por meio da prática de exercícios físicos.

A Farmácia Dassette estará no evento realizando testes de glicemia juntamente com o Clinimarc, que fará aferição da pressão e cálculo do IMC. A caminhada é promovida pelo Conselho Comunitário de Segurança do Água Verde. Participem!

Serviço:

Data: 30 de junho de 2013
Horário: 9h
Local: saída da Praça Sagrado Coração de Jesus, Água Verde, passando pela Praça Afonso Botelho (praça do estádio do Atlético), chegando até a Praça do Japão
Mais informações: www.consegcuritiba.com.br ou www.facebook.com/ConselhoComunitarioDeSegurancaAguaVerde

 

Medtronic cria dispositivo que regula liberação de insulina

Postado em por - na categoria diabetes, Pesquisa.

Leia mais em "Medtronic cria dispositivo que regula liberação de insulina" »

diabetes; bombas de insulinaUm artigo publicado nesse final de semana na revista The New England Journal of Medicine relata os experimentos da farmacêutica Medtronic com a criação de um dispositivo que consegue detectar os níveis de açúcar presente na corrente sanguínea de uma pessoa com diabetes tipo 1. Com isso, o aparelho regula a liberação de insulina pelo pâncreas. Para os autores do estudo, o dispositivo representa um passo em direção à criação de um pâncreas artificial.

A insulina é o hormônio responsável pelo controle da taxa de glicose no sangue. A tecnologia seria capaz de verificar quando a taxa de açúcar no sangue está ideal e interromper a liberação do hormônio. Isso evitaria os casos de hipoglicemia. O novo dispositivo seria uma variação das já existentes bombas de insulina. Da mesma maneira que as bombas, o dispositivo libera a insulina na corrente sanguínea para reduzir a taxa de glicose no sangue. A diferença é que essa nova tecnologia se desligaria automaticamente sempre que os níveis estão ideais, evitando as crises de hipoglicemia.

 

Mais informações: http://veja.abril.com.br/noticia/saude/equipe-cria-bomba-de-insulina-que-se-aproxima-de-um-pancreas-artificial

Leia o estudo na íntegra: http://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMoa1303576?query=featured_home&

 

Livro esclarece principais dúvidas sobre diabetes

Postado em por - na categoria diabetes.

Leia mais em "Livro esclarece principais dúvidas sobre diabetes" »

diabetes tipo 1O livro Tenho Diabetes tipo 1, e Agora? tem ajudado muitas pessoas desde 2010, quando foi lançado. Trazendo informações básicas sobre o diabetes, a obra serve de ponto de partida para portadores e familiares que querem entender um pouco mais sobre o tema. Aborda desde como o diabetes surge, diferença entre os tipos, o que é a hipoglicemia a dicas práticas de alimentação, exercícios e até cuidados necessários em festas e nas férias.

Lançando a 3º edição, o autor Mark Barone – que tem diabetes tipo 1 desde 1991 e que, desde 1999, trabalha educação e pesquisa em diabetes – conta que tem recebido retorno bastante positivo dos leitores.  “Pais de crianças com diabetes relatam como o livro foi importante para que entendessem melhor diferentes aspectos e se sentissem mais seguros; crianças e jovens com diabetes que gostaram e me mandam comentários e até mesmo amigos de pessoas com diabetes, que contam que passaram a entender muito melhor a condição.”

Mark conta que sentia falta de uma publicação explicativa no Brasil. “Quando comecei a participar de eventos fora do Brasil tive contato com livros excelentes, bastante práticos, geralmente escritos por pessoas com diabetes. Percebi, então, que esses livros faziam muito sucesso porque ajudavam de forma efetiva a tirar dúvidas do dia a dia.”

Decidido a escrever, levou dois anos para finalizar a publicação, que ficou pronta em 2010. “A aceitação foi muito boa e em aproximadamente sete meses o livro estava esgotado na editora. Depois, realizei atualizações e, em 2012, lançamos a 2º edição.”

Mais informações: www.tenhodiabetestipo1eagora.blogspot.com.br

Crianças com diabetes na escola exigem cuidados especiais

Postado em por - na categoria diabetes.

Leia mais em "Crianças com diabetes na escola exigem cuidados especiais" »

Informar à escola as necessidades especiais dos filhos com diabetes é uma tarefa dos pais. É necessário que os professores estejam preparados para lidar com várias situações que podem surgir, como:

Controle da glicemia: pode ser realizado com uma gota de sangue em um pequeno aparelho que faz a leitura. Serão esses testes que irão determinar se os valores da glicemia das crianças estão normais, baixos (hipoglicemia, ou altos (hiperglicemia). Os professores devem ser informados quais valores devem considerar como base.

Hipoglicemia pode ter como sintomas: sono, irritabilidade, fome, taquicardia e perda de consciência. O indicado nesses casos é oferecer à criança um alimento com carboidrato, como um suco de frutas.

Hiperglicemia pode ter como sintomas a sede excessiva e o aumento da frequência e quantidade de urina. Pais devem ser informados das hipo e das hiperglicemias o mais breve possível.

Atividade física: as crianças com a glicemia controlada podem praticar as aulas de educação física. Entretanto, uma das complicações que pode surgir é a hipoglicemia que pode se manifestar durante, ou horas após o exercício. A troca de informações entre professores, o médico assistente, familiares e a criança trarão maior tranquilidade quanto aos cuidados a serem tomados nestas ocasiões.

Hora do lanche: como qualquer pessoa com diabetes, a criança precisa ter uma alimentação equilibrada, e com a ingestão de açúcar reduzida. Adoçantes, frutas e alimentos ricos em fibras são indicados.

Refeições especiais: em caso de festa ou passeio escolar, os pais devem ser avisados com antecedência para que as refeições enviadas sejam adequadas às necessidades da criança e também ao evento, para que a criança não se sinta excluída.

Fonte: Portal Unimed